6 de fevereiro de 2018

Certificado ou qualificação: o que você procura?

A busca por cursos de Pós-Graduação é altíssima, seja para recém graduados, profissionais já inseridos no mercado ou buscando recolocação.

Mas diga a verdade: você procura certificado ou qualificação?

Já conhecemos o peso que um curso de Pós-Graduação possui no currículo. E, neste sentido, há cargos que possuem como pré-requisito um profissional pós-graduado, assim como algumas empresas/organizações garantem bonificações exclusivas aos funcionários certificados. E é aí que mora o problema: algumas pessoas passam a ignorar o que a tal “certificação” deve representar.

Uma vez que você se diga especialista em algo, você deve, de fato, ser um especialista da área. Você deve ser a pessoa que será consultada sobre o assunto e que terá base para dar as devidas orientações. Você deve ser a pessoa que possui as respostas de determinado tema ou, no mínimo, possui o caminho para se chegar ao devido conhecimento. Você deve ter as referências e as competências sugeridas pela especialização. Você deve ter o conhecimento e, sobretudo, a prática. Você deve possuir os diferenciais que só outros especialistas da área possuem.

E por que é importante que isso seja dito?

Porque não basta pagar por um curso, cumprir com o mínimo necessário para a aprovação nas disciplinas, procurar o tema de TCC – Trabalho de Conclusão de Curso que seja mais “fácil” de ser escrito e esperar que o milagre aconteça.

Claro, pode ser que para algumas bonificações o certificado por si só baste. Mas uma coisa que é preciso aprender a dar valor: seu tempo.

Seja inteiro nas coisas que se propõe a fazer. Se for para fazer uma Pós, pense em uma área que realmente te interesse e te desperte curiosidade/vontade de aprender mais. Aceite e usufrua do conhecimento disponibilizado acima de tudo. Troque experiências.

Um curso bem feito pode te levar a caminhos até então desconhecidos, mas muito bem sucedidos. E, no que se refere a empresas privadas, certamente um título por si só não te levará a avanço algum. Por outro lado, o mesmo título comprovado pela sua aplicação no dia a dia da empresa fará de você um forte candidato a grandes promoções e novos patamares salariais.

Segundo a Catho, empresa de recrutamento online, profissionais pós-graduados podem chegar a receber até 70% a mais do que aqueles que não são. A exceção apostaríamos ser, em grande parte, aqueles que não levam os seus cursos a sério ou que fazem cursos não reconhecidos pelo MEC.

E aí, você quer certificação ou qualificação?

LEIA TAMBÉM:

Por que você deve ter um perfil no LinkedIn



Conheça nosso aplicativo
Conheça nosso aplicativo no Google Play Conheça nosso aplicativo na App Store

Assine nossa newsletter

Junte-se às mais de 80 mil pessoas que receberam nossas novidade sobre pós-graduação a distância por email.


New Call-to-action

Você também pode gostar de:

  • Home Office: 5 dicas para ser mais produtivo trabalhando de casa
  • Plano de carreira para um gestor de sucesso
  • Como saber se um trabalho é o certo para mim?
  • Será que uma Pós-Graduação pode ajudar em seus objetivos?
  • 9 dicas para enfrentar a primeira segunda-feira depois do carnaval (e do horário de verão)

  • CATEGORIAS

    Administração (14)
    Agronegócio (3)
    Artigos (44)
    Carreira (98)
    Datas Comemorativas (6)
    Dia do Profissional (12)
    Docência Superior (2)
    E-book (1)
    Educação (25)
    Educação a distância (34)
    Educação Superior (8)
    Emprego (34)
    Engenharia e Arquitetura (13)
    Especialização (24)
    Infográfico (4)
    Internet (7)
    MBA (8)
    Meio Ambiente e Sustentabilidade (13)
    Mercado de trabalho (61)
    Mês da Língua Portuguesa (9)
    Petróleo e Gás (5)
    Pós-graduação (16)
    Saúde (14)
    Saúde Mental (4)
    Tecnologia (11)
    Testes (4)

    Siga o Wpós nas redes sociais

    Copyright © 2018 wPós