Opa, pensando em se especializar?
Conheça os nossos mais de 900 cursos de Pós-Graduação EAD.

Conheça os cursos
Fale com um consultor

6 sinais que seu chefe valoriza você

23 de novembro de 2017

Compartilhe esta notícia:

O destino de um colaborador numa empresa quase sempre está nas mãos de seu gestor. Alguns gestores são mais transparentes e demonstram se estão ou não satisfeitos com o subordinado. Já outros são mais reservados e difíceis de interpretar. Nesses casos, como saber se seu gestor está feliz com o seu desempenho? A seguir alguns sinais que podem ajudar você a interpretar como está seu prestígio diante do chefe.

  1. Ele delega muito a você

Às vezes, sentir-se sobrecarregado no ambiente profissional pode ser positivo, desde que as atribuições confiadas a você sejam claramente estratégicas para os objetivos da empresa.  Nessas horas, é preciso levar em consideração sua relação com ele, bem como as atribuições que lhe são confiadas para saber se é esse o caso. Por outro lado, deve-se ficar atento. De nada adianta estar cheio de responsabilidades operacionais que não agregam aprendizado e experiência e que podem estar apenas ocupando você demais.

  1. Ele é duro com você (isso mesmo!)

Se seu chefe trata você com dureza, talvez seja para fazê-lo decidir sair da empresa (o que pode configurar assédio moral). Por outro lado, o motivo pode ser inverso: ele é exigente por saber que você é capaz de realizar determinadas tarefas. Identificar a diferença entre um caso e outro requer boa dose de sensibilidade. Um chefe que vê potencial num colaborador pode dar muitos feedbacks, mas nem todos positivos – alguns deles podem ser por enxergar você como alguém capaz e que está pronto para assumir mais responsabilidades. Alguns gestores costumam pensar que estão “treinando” o colaborador para agir sob pressão. Fique atento também aos feedbacks. Uma coisa é seu chefe ser duro, mas fazer críticas construtivas e apontar os caminhos para o seu desenvolvimento. Grosserias e críticas ferinas, no entanto, nada mais são do que assédio. E disso, nenhum profissional precisa para se desenvolver.

  1. Existe respeito entre vocês

Muitos colaboradores pensam que afinidade com o chefe representa uma garantia de uma boa relação de trabalho. Na verdade, o chefe ter afinidade com o colaborador, é bom, mas está longe de ser o mais importante no ambiente de trabalho. O que vale numa relação profissional é o respeito. Portanto, em vez de se preocupar se o seu chefe gosta de você, esteja atento se ele o respeita, o inclui e o envolve em projetos importantes para o seu desenvolvimento profissional.

  1. Sua opinião é valorizada.

Não é preciso ser nenhum especialista em recursos humanos para saber que gestores pedem mais a opinião de colaboradores em quem eles confiam.  Então, se o seu chefe pede sua opinião frequentemente e parece sempre disposto a ouvir o que você tem a dizer, isso é um ótimo sinal.

  1. Nem sempre eles elogiam

Quando um gestor está contente com o trabalho de um colaborador, é natural que faça elogios. No entanto, isso nem sempre acontece. Talvez o gestor pense que você já sabe que está indo bem, e não quer causar a impressão nos outros colaboradores que está favorecendo você. Ou talvez, esteja tão atribulado que não sobre tempo para elogios. Por isso, o colaborador deve estar atento ao próprio desempenho e, sempre que possível (e pertinente) pedir feedbacks ao seu gestor.

  1. Você é o primeiro a ser procurado

Quando o gestor sempre procura você primeiro para pedir uma opinião, ou contar uma novidade, ótimo sinal. Talvez você seja apenas o queridinho do chefe por algum outro motivo (péssimo sinal), mas numa relação profissional saudável, normalmente, ser procurado pelo gestor é sinal de que ele confia em você e no seu trabalho.

VEJA TAMBÉM: 6 dicas incríveis para planejar a gestão de carreira

Compartilhe esta notícia:

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você

Assine nossa newsletter

Junte-se às mais de 80 mil pessoas que receberam nossas novidade sobre pós-graduação a distância por email.