Opa, pensando em se especializar?
Conheça os nossos mais de 900 cursos de Pós-Graduação EAD.

Conheça os cursos
Fale com um consultor

Alunos estão adaptados à rotina exigida em cursos a distância, diz pesquisa

14 de julho de 2014

Compartilhe esta notícia:

Um levantamento realizado com estudantes de todas as regiões do Brasil mostra que eles já seguem a rotina exigida nos cursos de graduação a distância.

Segundo a empresa SurveyMonkey, 89,7% dos universitários do País estudam sozinhos e 67% deles disseram que preferem fazer isso em casa.

A análise também aponta que 48,5% dos universitários pesquisam na internet quando têm dúvida e 55% mantêm uma frequência semanal de estudo superior a 3 dias, contra apenas 16,8% que estudam só na véspera.

Além disso, os dados apontam que mais de 50% dos alunos estudam via mobile (59%) ou tablet (52,8%) e chats e redes sociais são os mais utilizados para se comunicarem ou fazerem trabalhos em grupo.

Ao todo, 439 universitários responderam ao questionário contando sua rotina de estudo. Considerando a população de quase 7 milhões de universitários no Brasil, grau de confiança de 95% e erro de 5%, os resultados obtidos são representativos para o restante da população.

Percepção dos estudantes sobre a metodologia

Uma pesquisa encomendada pela CNI (Confederação Nacional das Indústrias), que contou com 2.002 entrevistas, destaca que os cursos a distância são reconhecidos pela população brasileira como uma estratégia importante para ampliar o acesso à educação.

Esta percepção positiva, porém, ainda deve ser comprovada em números já que apenas 6% dos entrevistados disseram ter feito um curso a distância.

As razões que levam os estudantes a optarem por esta modalidade de ensino são, prioritariamente, a flexibilidade de horário de estudo (25%) e o preço (24%). O fato de não haver deslocamentos diários para as aulas é outra razão importante, referida por 18% dos entrevistados.

No que diz respeito à eficácia do ensino a distância, a pesquisa mostrou que 43% dos brasileiros consideram que o ensino a distância funciona na prática. Outros 34% afirmam que não funciona.

Já a percepção sobre o aproveitamento dos cursos aumentou a escolaridade. Entre os que têm até a quarta série do ensino fundamental, 30% acreditam na eficácia dos cursos a distância. É essa a opinião de 52% entre os que têm ensino superior completo.

Conheça os cursos de Pós-Graduação a Distância da AVM Faculdade Integrada. São 43 áreas de conhecimento apresentadas por meio do  programa wPós. Prepare-se para o mercado de trabalho. Confira!

Fonte: R7

Compartilhe esta notícia:

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você

Assine nossa newsletter

Junte-se às mais de 80 mil pessoas que receberam nossas novidade sobre pós-graduação a distância por email.