Opa, pensando em se especializar?
Conheça os nossos mais de 900 cursos de Pós-Graduação EAD.

Conheça os cursos
Fale com um consultor

Aprenda a falar dos seus pontos fracos em uma entrevista de emprego

26 de janeiro de 2016

Compartilhe esta notícia:

 

Nem sempre, durante uma entrevista de emprego, os candidatos conseguem falar confortavelmente sobre seus pontos fracos. A maioria recorre a clichês como ‘’perfeccionista’’ ou ‘’workholic’’, que, aliás, só indicam ao recrutador que o candidato não sabe muito sobre si mesmo.

Para evitar responder a pergunta de forma vaga, é fundamental que o candidato faça previamente um exercício de autoanálise. Colher e analisar os feedbacks de chefes e amigos é indispensável, já que o profissional pode pensar que é de tal maneira e passar uma imagem totalmente contrária para os demais. Saber falar sobre seus pontos fracos indica que você pesquisou e refletiu sobre as suas próprias falhas antes de ir para a entrevista, o que é muito importante para o processo seletivo.

Seja honesto

Colocar todas as cartas na mesa é a forma mais produtiva para ambas as partes. Se você omitir alguma dificuldade ou falha, em algum momento esse problema aparecerá depois que você for contratado. Lembre-se que toda falsa expectativa criada acaba cobrando o seu preço mais tarde. Entretanto, não cabe falar de defeitos de ordem pessoal ou citar alguma falta de qualificação que não é exigida para a vaga.

Tão importante quanto saber falar sobre as suas falhas é também dizer o que está fazendo, ou faz para saná-las. Ou seja, de como você conseguiu superá-las na prática. Durante a entrevista o  candidato deve sempre mostrar que está disposto a se aperfeiçoar. Por exemplo, se você não possui determinada competência técnica para o cargo em questão, pode mencionar que pretende se matricular em um curso sobre o assunto.

O candidato ideal, que a maioria das empresas hoje está em busca, é aquele que valoriza as suas qualidades e potencialidades, mas que também sabe argumentar como lida com os seus defeitos diariamente na rotina de trabalho.

Outra dica valiosa para obter sucesso em um processo seletivo é se antecipar e pensar em possíveis perguntas.

Quem já participou de pelo menos 3 entrevistas ao longo da carreira sabe bem que existem perguntas recorrentes, isso significa que você já pode se preparar anteriormente para responde-las. Perguntas como: ‘’Onde você se imagina daqui a 5 anos?’’ ‘’Quais foram suas principais conquistas até agora?’’ ‘’Fale sobre uma situação difícil que você tenha enfrentado e como superou. ’’ Para não correr o risco de ter um ‘’branco’’ na hora, você pode deixar a memória preparada.

Elabore possíveis respostas da maneira mais clara e concisa possível para não ser pego de surpresa. Isso demonstra autoconhecimento e consequentemente você se sentirá mais confiante na hora do bate-papo.

 

Leia também: Linguagem corporal: Saiba como ela pode influenciar na entrevista de emprego

Compartilhe esta notícia:

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você

Assine nossa newsletter

Junte-se às mais de 80 mil pessoas que receberam nossas novidade sobre pós-graduação a distância por email.