Opa, pensando em se especializar?
Conheça os nossos mais de 900 cursos de Pós-Graduação EAD.

Conheça os cursos
Fale com um consultor

Como as redes sociais podem interferir na sua vida profissional

5 de abril de 2018

Compartilhe esta notícia:

 

Já parou para pensar que o seu comportamento nas redes sociais pode interferir na sua vida profissional? Bom, então, é melhor voltar os olhos, também, para o que você anda postando e compartilhando.

É cada vez mais comum recrutadores e selecionadores de recursos humanos fazerem uma investigação mais aprofundada de um potencial candidato, essa pesquisa não é feita só em sua rede profissional (LinkedIn), como também em outras mídias, como: Facebook, Instagram e Twitter.

Mas afinal, o que os recrutadores analisam na hora de selecionar um candidato? Quais os critérios que eles usam para avaliar o perfil do profissional? No post hoje você poder conferir alguns padrões que são considerados os mais adequados e como as redes sociais podem interferir na sua vida profissional Confira!

LinkedIn

Mais de 500 milhões de usuários usam o LinkedIn para promover suas habilidades e objetivos profissionais e fazer novas redes de contato. Entretanto, a ferramenta também é comumente usada por headhunters para selecionar candidatos de acordo com o perfil desejado.

Então, essa é hora de você se mostrar ao mercado. É interessante caprichar na descrição dos objetivos, onde pretende estar daqui há algum tempo e o que pretende fazer para alcançar tal finalidade.

As qualificações também chamam atenção dos recrutadores, é nela que você fará um resumo de forma geral da sua trajetória profissional. Use o critério cronológico para elencar cada uma delas, inclua os mais recentes, isso ampliará sua probabilidade de ser visto.

Não menos importante, dê atenção às suas experiências profissionais, sempre priorizar os mais atuais. E, não esqueça de pedir recomendações de seus colegas de trabalho e gestores, eles serão as suas referências.

Caso você ainda não possua um perfil no LinkedIn ou não explora a ferramenta como meio de achar oportunidades, baixe o Guia Definitivo para Construir seu Perfil no LinkedIn, nele você aprenderá a construir um perfil de sucesso que atraia a atenção dos principais recrutadores de talentos.

Facebook

Mesmo após sofrer vários ataques e vazamentos de dados, o Facebook ainda é considerado o líder mundial de usuários. E, é por meio desta ferramenta que empresas exploram a vida pessoal de muitos profissionais, isso porque é feita uma comparação do comportamento que ele tem nas redes sociais.

Mas afinal, o que é mais avaliado? Na aba “sobre”, é analisada a descrição que a pessoa faz de si. Dessa forma, o profissional de RH com suas habilidades técnicas consegue identificar características que não condizem com as apresentadas no currículo.

Além disso, as fotos também são vistas com olhares bem críticos, por meio delas é possível notar traços da personalidade e prever a conduta do profissional diante aos desafios lançados no exercício do cargo na empresa e, assim, classificá-los aptos ou não para ocupar a vaga. Outra preocupação do RH é perceber condutas profanas e/ou indicadores de vícios.

Instagram

O Instagram é a mídia online de compartilhamento de fotos bastante usada, não somente por pessoas de modo geral, como também por grandes personalidades do mundo artístico. A rede também tem atraído a atenção de grandes empresas a nível mundial.

Nesse sentido, além de usar a ferramenta para promoção corporativa de serviços e produtos, por outro lado é usada por profissionais de RH para seleção.  Neste cenário, são usadas duas maneiras de avaliar as atitudes do profissional.

A primeira, é olhando o padrão de seguidores que a pessoa desperta para o seu perfil, assim, é perceptível o quanto sociável e amistoso pareça ser. Já a segunda, está relacionada às fotos, pois elas retratam a personalidade da pessoa , ou seja, o olhar que ela tem de si e das coisas.

Twitter

No caso do Twitter, o mais frequente é notar quais perfis que o profissional está conectado, se suas conexões, em sua maioria, são de contatos profissionais ou de pessoas ligadas ao mercado em que atua ou de segmentos que deseja trabalhar.

Além de que, os tuítes são relevantes para notar se o profissional faz interações relevantes ou usa a rede somente para discutir.

Segurança da Informação

Um outro, importantíssimo, requisito que você deve considerar ao postar informações pessoais nas redes, diz respeito à segurança da informação. Nos últimos dias, o Facebook foi alvo da Cambridge Analytica por divulgação de informações de mais de 50 milhões de pessoas sem o consentimento delas.

A empresa conseguiu ter acesso aos dados dos usuários por meio de um teste psicológico na rede social, entretanto, não foram apenas informações pessoais, como também teve acesso aos dados sobre a rede de contatos.  O vazamento das informações dos usuários espalhou-se como um escândalo, já que o volume desses dados poderiam ser disseminados como fake news, propositalmente, no período de eleições nos EUA.

Nesse sentido, foi levantada a bandeira para que a segurança da informação seja vista com mais atenção. Portanto, é imprescindível ter bastante cuidado com o tipo de conteúdo que você compartilha na rede e, principalmente, com o tipo de dado que você fornece.

Por fim, após essas dicas, passe a ser mais criterioso com as suas postagens, afinal, pode ter algum recrutador de olho nas suas redes e você poderá ou não ser selecionado de acordo com as impressões que ele terá.

 

Agora que você já sabe os cuidados que deve ter com as publicações nas mídias sociais, que tal ver as 8 dicas para ter uma apresentação de currículo profissional impecável.

 

 

 

Compartilhe esta notícia:

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você

Assine nossa newsletter

Junte-se às mais de 80 mil pessoas que receberam nossas novidade sobre pós-graduação a distância por email.