Opa, pensando em se especializar?
Conheça os nossos mais de 900 cursos de Pós-Graduação EAD.

Conheça os cursos
Fale com um consultor

Como preparar um bom currículo para o mercado?

18 de março de 2015

Compartilhe esta notícia:

qualificação-300x225Um currículo profissional bem elaborado pode fazer toda a diferença, já que seu objetivo principal é despertar o interesse do avaliador, para conquistar uma entrevista. Na hora de preparar o seu currículo lembre-se: Ele é o seu espelho, quem você é. Sendo assim, todos querem passar uma boa impressão.
A seguir veja dicas de como preparar um bom currículo profissional, elaborado pela AVM Faculdade Integrada que está há mais de 13 anos trabalhando com a formação e capacitação de profissionais de diferentes áreas.

1- Objetivo

No objetivo o candidato deve colocar qual a área de interesse e a qual cargo está se candidatando. Deve ser sucinto. É importante focar em uma área de atuação e não em mais de uma. Não é recomendável acrescentar ao objetivo qualidades pessoais.

2- Dados pessoais

Deve-se colocar nome, telefone, e-mail e endereço. Manter esses dados atualizados é de extrema importância, principalmente para ser encontrado de forma rápida e fácil. Nesta categoria não há necessidade de colocar o número de RG, Carteira Profissional ou Título de Eleitor já que a função do currículo é estimular uma entrevista pessoal – e outros documentos poderão ser pedidos nas etapas seguintes.

3- Formação

Mencione os cursos que contribuíram para sua formação profissional, como graduação, mestrado, dentre outros. E sempre na ordem do último para o primeiro. É importante incluir a faculdade e o status de concluído ou cursando (nesse caso informar o semestre e turno de estudo).

4- Idiomas

Sinceridade na hora de colocar as informações sobre idiomas é primordial, já que elas serão checadas posteriormente. Geralmente as classificações de idioma são: Básico, Intermediário e Fluente. Lembre-se de mencionar se estiver frequentando algum curso. Listar nomes dos certificados de proficiência da língua e intercâmbios culturais ajudam também.

5- Experiência Profissional

Lembre-se que o avaliador tem pouco tempo para ler currículos, por tanto nesta categoria deve-se priorizar qualidade à quantidade. As informações devem ser claras e precisas, evitando textos muito extensos para explicar, por exemplo, as atividades desempenhadas em determinada empresa. Citar as últimas experiências (ideal as 3 últimas), mas isso depende do cargo em questão, pois não é bom deixar experiências importantes por conta dessa restrição. É interessante citar resultados alcançados e assim evidenciar a contribuição em cada empresa.

6- Atividades Complementares

Aproveite esse espaço para valorizar atividades exercidas por você no meio acadêmico e social, como trabalhos voluntários, trabalhos acadêmicos premiados, entre outros.

A formatação também é um fator importante. Recomenda-se o uso de fontes convencionais como Arial e Times New Roman. Revise sempre o documento para ter certeza de que não tem erros de português. Organização, ordem, objetividade e nitidez na impressão são fundamentais! O currículo deve ser sucinto e objetivo, com no máximo 2 páginas. Evite cores e tipo de fonte diferente. Lembre-se de que os pequenos detalhes podem excluir o candidato do processo seletivo. Um currículo de qualidade ajuda o avaliador a identificar o profissional como um candidato com potencial para preencher a vaga.

Modelo de Curriculum

Compartilhe esta notícia:

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você

Assine nossa newsletter

Junte-se às mais de 80 mil pessoas que receberam nossas novidade sobre pós-graduação a distância por email.