Opa, pensando em se especializar?
Conheça os nossos mais de 900 cursos de Pós-Graduação EAD.

Conheça os cursos
Fale com um consultor

Como ser uma pessoa mais feliz mesmo quando se está fracassando

4 de julho de 2016

Compartilhe esta notícia:

Especialistas afirmam que podemos nos tornar seres humanos mais felizes mesmo com as adversidades da vida, e que o aumento da felicidade beneficia a nossa saúde e sucesso. De fato, as evidências sugerem que podemos reprogramar nosso cérebro para uma positividade maior e aprender a driblar os fracassos com bom humor.

A felicidade é simplesmente uma função do que fazemos? Emma Seppälä, em seu livro The Happiness Track, sugere que condicionar nossa felicidade ao nosso desempenho é uma armadilha. O nosso bem-estar, ela sugere, é uma função do nosso relacionamento com nós mesmos: como nós pensamos sobre nós mesmos, como falamos para nós mesmos, como nós tratamos a nós mesmos. É possível que, quando nós nos tratamos condicionalmente e negativamente, na verdade estamos religando nossa mente para a infelicidade?

A pergunta mais comum feita pelas pessoas é: “Como podemos nos manter positivos mesmo quando estamos perdendo dinheiro?” A pergunta faz sentido. Se seu trabalho é produzir um bom retorno para os investidores e você perde dinheiro, você não está fracassando em sua missão? Como você pode manter a felicidade em meio ao fracasso?

Profissionais bem sucedidos orientados por realizações tendem a nunca estar satisfeitos com o status quo, o que os leva sempre a trabalhar por uma maior realização. Isso também leva-os a nunca serem felizes. Ao longo do tempo, buscar sempre mais e nunca estar contente leva ao esgotamento e perda da produtividade.

Para se tornar um ser humano mais feliz, precisamos de uma relação diferente com nós mesmos. E, há um segredo para melhorar esse relacionamento:

Manter-se implacavelmente construtivo.

Não positivo, e não negativo: CONSTRUTIVO.

Uma relação construtiva consigo mesmo é aquela em que você aceita plenamente que errará às vezes. Se você tiver muitas metas desafiadoras, às vezes você vai ficar aquém. Você vai tomar decisões erradas como um pai ou como um parceiro, você vai tomar más decisões no trabalho, você vai tomar más decisões no mercado financeiro e de todos esses vão gerar resultados indesejados.

Você irá falhar.

Você não é INFALÍVEL.

Mas ser construtivo significa que você tem a oportunidade de aprender com seus reveses. Ser construtivo significa realmente ver os erros e fracassos como oportunidades para aprender e se tornar melhor.

Quando você condiciona sua felicidade ao seu sucesso, você vai ficar sempre infeliz quando você não tiver sucesso. Quando você condicionar sua felicidade em sua capacidade de aprender com os fracassos, você se coloca no controle de seu bem-estar e de seu relacionamento com você mesmo.

Você se tornará um ser humano mais feliz quando você conversar com si mesmo de forma construtiva e quando você realmente construir soluções para os erros que você comete.

Leia também: Falhar é importante para a sua carreira. Saiba porquê!

Fonte: André Bartholomeu Fernandes – LinkeIn Pulse

 

Compartilhe esta notícia:

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você

Assine nossa newsletter

Junte-se às mais de 80 mil pessoas que receberam nossas novidade sobre pós-graduação a distância por email.