Opa, pensando em se especializar?
Conheça os nossos mais de 900 cursos de Pós-Graduação EAD.

Conheça os cursos
Fale com um consultor

Dia Mundial sem Carro: a data para refletir sobre o uso excessivo do automóvel

22 de setembro de 2017

Compartilhe esta notícia:

Hoje, dia 22 de setembro, é celebrado o Dia Mundial sem Carro. A iniciativa tem o objetivo de estimular a reflexão sobre o uso excessivo do automóvel de forma a perceber a própria dependência desse tipo de transporte. A ideia é que as pessoas aproveitem a data para experimentar outras opções de mobilidade e reconsiderem suas rotinas.

Durante o dia, diversas atividades em prol da mobilidade mais sustentável são propostas ao redor do mundo, como forma de fomentar a qualidade de vida. Afinal, o automóvel particular é um meio de transporte que prejudica a saúde (por colaborar para o sedentarismo), o estresse e a intoxicação. Segundo a Organização Mundial da Saúde, cerca de 3 milhões de mortes por ano podem ter como causa a exposição à poluição.

O uso demasiado dos carros particulares provoca ainda congestionamentos, o que prejudica a produtividade e promove desgaste: 48% dos paulistanos gastaram, em 2015, pelo menos 2 horas por dia em seus deslocamentos, segundo pesquisa da Rede Nossa São Paulo.

Além disso, quando comparado aos outros meios de transporte, o carro particular apresenta custos elevados se levados em consideração impostos, combustível, estacionamento, seguro, além da manutenção.

Conectividade

Um estudo recente, conduzido pela Kantar TNS, uma das maiores empresa de pesquisa do mundo,  mostra uma grande mudança na forma como a população mundial se desloca em grandes cidades. O estudo denominado “Observatório Global de Mobilidade” tem objetivo de entender e prever o futuro da mobilidade global em cidades do mundo todo a partir de entrevistas realizadas com mais de 24 mil pessoas, em áreas urbanas de 19 países, 30 cidades, entre elas, São Paulo, Rio de Janeiro e Curitiba. Concluiu-se que 75% dos cidadãos de áreas urbanas estão usando aplicativos para organizar ou orientar seu trajeto, o que otimiza o custo ou a conveniência de um trajeto, e cada vez mais para solicitar táxis e compartilhamento de caronas.

Outro dado levantado pela pesquisa é que uma em cada três pessoas que não possuem veículo particular considera dispendioso manter um carro. Os congestionamentos são apontados como outra barreira ao uso de veículos particulares, com destaque para o fato de que 88% dos moradores de cidades precisam se deslocar de um ponto ao outro para atividades diárias, geralmente nas horas de maior congestionamento.

A conectividade ajuda também por possibilitar atividades online, como o trabalho em Home Office e a Educação a Distância (EAD). No caso da EAD, por exemplo, os alunos podem estudar de casa, no horário que lhes for conveniente, sem precisar se deslocar até a instituição de ensino para assistir às aulas. Para os adeptos do ensino online, a economia de tempo, dinheiro são grandes vantagens. Além disso, aqueles que estudam de casa, se preservam do estresse e cansaço gerados pelos longos congestionamentos.

E você, já conseguiu diminuir o uso do carro e se livrar do estresse do trânsito? Hoje é um bom dia para refletir sobre isso. 😉

VEJA TAMBÉM: 6 tendências de tecnologia na educação que vão mudar o mundo!

Compartilhe esta notícia:

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você

Assine nossa newsletter

Junte-se às mais de 80 mil pessoas que receberam nossas novidade sobre pós-graduação a distância por email.