Opa, pensando em se especializar?
Conheça os nossos mais de 900 cursos de Pós-Graduação EAD.

Conheça os cursos
Fale com um consultor

Dinheiro x Felicidade

19 de novembro de 2015

Compartilhe esta notícia:

Muitos ainda acreditam que a felicidade plena está relacionada às questões financeiras. O que em parte, não deixa de ser uma verdade. O dinheiro pode trazer muitos benefícios como estabilidade, segurança, experiências e etc. e consequentemente gerar momentos de felicidade. Entretanto, é imprescindível ter em mente que ser feliz é um estado de espírito, não uma constante.

Mas, afinal dinheiro traz felicidade?

Estudos realizados pela Universidade da Columbia Britânica em Vancouver, no Canadá, em conjunto com a Escola de Negócios de Harvard, em Boston, nos Estados Unidos, relatam que o dinheiro pode até não comprar o amor, mas ajuda sim a comprar a felicidade.

Existe uma condicionante para este fato, é preciso que você gaste esse dinheiro com outras pessoas. As [tweetable alt=””]pesquisas apontam que pessoas que gastam seu dinheiro com presentes para outros e fazem doações frequentes são mais felizes que os demais.[/tweetable]
Dentre todos os entrevistados, os que gastavam com os outros se avaliavam mais felizes do que os que gastavam com si mesmos.

Além disso, um segundo estudo publicado no ano de 2012, realizado por pesquisadores britânicos revela a hipótese de que pessoas mais felizes e positivas tendem a atrair mais dinheiro que as outras. Ou seja, estar mais feliz, ajudando o próximo, muito provavelmente irá atrair mais riquezas para você.

Os dois extremos

Ter bastante dinheiro não é uma coisa ruim como alguns pensam. Pelo contrário, se for bem administrado só trará benefícios.  Entretanto, é preciso ficar de olho para não acabar obcecado na busca de adquirir cada vez mais riquezas, já que, à longo prazo pode trazer prejuízos para o indivíduo.

Até certo ponto, onde você pode resolver muitos dos problemas que estão no caminho da sua felicidade como, por exemplo: dívidas, moradia, educação, e etc. você se sentirá feliz. Mas depois de certo tempo, que você já resolveu a maioria desses problemas, um digito a mais ou a menos na sua conta não fará você ser uma pessoa mais ou menos feliz. A partir daí, outras coisas começam a entrar em questão, que realmente influenciam muito mais na nossa felicidade.

A felicidade pelo motivo certo

Lembre-se que o dinheiro jamais deve determinar a sua condição de felicidade. É a própria condição de ser feliz e perseverante que contribui e atrai situações para o sucesso da área das finanças. Á questão não é ganhar mais, mas sim, saber gerenciar aquilo que já é ganho para dar um melhor resultado, seja investindo, aplicando ou poupando.

E você, acha que o dinheiro traz ou não felicidade? Compartilhe com a gente a sua opinião!

Veja também: Aprenda a lidar com críticas no trabalho

Compartilhe esta notícia:

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você

Assine nossa newsletter

Junte-se às mais de 80 mil pessoas que receberam nossas novidade sobre pós-graduação a distância por email.