Opa, pensando em se especializar?
Conheça os nossos mais de 900 cursos de Pós-Graduação EAD.

Conheça os cursos
Fale com um consultor

Mulheres correm mais riscos de sofrer AVC, aponta estudo

7 de fevereiro de 2014

Compartilhe esta notícia:

Mulheres correm mais riscos de sofrer AVC, aponta estudoDe acordo com a Associação Norte-Americana do Coração, mulheres, de todas as idades, correm mais riscos de sofrer um acidente vascular cerebral (AVC) do que os homens. Segundo a associação elas devem, por isso, ficar atentas à pressão arterial, uma vez que têm também maiores fatores de risco que favorecem os acidentes cerebrais, como enxaquecas, depressão, diabetes e arritmia cardíaca.

Os acidentes vasculares cerebrais são a terceira causa de mortalidade entre as mulheres, depois das doenças cardíacas e do câncer, que é a quinta causa de morte nos homens.

Para o grupo de peritos que elaboraram as recomendações publicadas na revista média Stroke, as mulheres têm riscos específicos devido à gravidez e à utilização de hormônios, como a pilula contraceptiva. O novo guia lembra a importância de controlar regularmente a pressão arterial, principalmente em mulheres jovens, antes de tomarem contraceptivos e de ficarem grávidas.

Sintomas

Os sintomas de um AVC em mulheres são similares aos dos homens: dormência súbita ou fraqueza do braço, dificuldade em falar ou compreender o que dizem os outros.

Segundo os autores do estudo, os sintomas de um acidente vascular cerebral nas mulheres podem ser mais sutis, uma vez que elas têm mais dificuldades em se expressar ou estar cientes do seu ambiente.

Um acidente vascular cerebral ocorre quando uma artéria que irriga o cérebro é obstruída por um coágulo, causando a destruição dos tecidos cerebrais.

Conheça o curso de Pós-Graduação a Distância em Saúde da Mulher oferecido pela AVM Faculdade Integrada por meio do programa wPós. Torne-se um especialista nos cuidados com a mulher. Conheça também os outros cursos na área de Saúde e Bem Estar. Confira!

Fonte: Agência Brasil

Compartilhe esta notícia:

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você

Assine nossa newsletter

Junte-se às mais de 80 mil pessoas que receberam nossas novidade sobre pós-graduação a distância por email.