Por que devo fazer uma ou mais pós-graduações?

Opa, pensando em se especializar?
Conheça os nossos mais de 800 cursos de Pós-Graduação EAD.

Conheça os cursos
Fale com um consultor

Por que devo fazer uma ou mais pós-graduações?

14 de julho de 2017

Compartilhe esta notícia:

Existem muitas razões para um profissional buscar uma pós-graduação. Seja para aprofundar os conhecimentos em determinada área, se atualizar, obter novas competências ou mesmo ampliar sua rede de contatos (networking). Seja qual for o seu objetivo, um ou mais cursos de pós-graduação representam um investimento de retorno garantido para o seu sucesso profissional. Por isso, hoje vamos falar sobre o porquê de as especializações serem uma aposta certa para a ascensão de sua carreira. Acompanhe:

Com a crescente demanda por profissionais mais qualificados no mercado de trabalho, o Brasil tem experimentado um aumento no número de programas e cursos de pós-graduação lato sensu sem precedentes.  Existem hoje mais de 10 mil cursos em diversas áreas. Já a oferta na modalidade stricto sensu praticamente dobrou em 10 anos, alcançando quase 5 400 cursos divididos entre mestrados acadêmicos, mestrados profissionais e doutorados.

Esse aumento pela procura da educação continuada se dá, sobretudo, pela necessidade de o profissional se manter atualizado para avançar na carreira. Especialistas em recrutamento apontam que com as mudanças cada vez mais rápidas na maioria dos setores do mercado, a demanda por competências específicas e – muitas vezes – complexas, tem aumentado significativamente e quem não se especializa tende a ficar para trás.

Nesse cenário, uma pós-graduação no currículo é quase que condição “sine qua non” para um bom nível de empregabilidade e uma atuação relevante no meio corporativo. Entretanto, engana-se quem pensa que só a especialização vai trazer resultados para a carreira. É preciso estar atento para o fato de que as empresas buscam também colaboradores com perfil adequado, com traços como por exemplo, capacidade de relacionamento interpessoal, liderança, experiência, além de, em muitos casos, qualificações extras como o domínio de outras línguas ou mesmo, vivências em outros países.

Mas como saber qual especialização escolher e a hora certa de começar?

Essa é uma dúvida comum para muitos profissionais. E a resposta costuma aparecer naturalmente no decorrer da rotina profissional. Quando o profissional se depara com cargos aos quais gostaria de ocupar, porém não tem as qualificações técnicas para se candidatar é hora de pensar em como preencher essa lacuna. Não haverá tempo para obter a especialização para a seleção em questão, mas, uma vez decidido a buscar a qualificação, certamente encontrará outras oportunidades para as quais ele estará pronto após a conclusão de seu curso. É importante nesse momento avaliar com cautela os objetivos profissionais para optar pela pós-graduação mais adequada.

Nesse sentido, um curso de especialização é uma oportunidade também de corrigir uma rota profissional que já não atende mais às expectativas. Para quem está prestes a assumir uma nova função em uma empresa, os cursos de especialização são ideais. Essa modalidade de estudo oferece, em pouco tempo, um apanhado geral de uma área do conhecimento, capacitando o profissional a dominar determinado assunto com segurança.

Veja abaixo, algumas dicas para fazer a escolha mais acertada:

  • Procure saber se o curso do seu interesse é realmente valorizado no mercado de trabalho.
  • Verifique se a instituição é confiável, reconhecida pelo MEC e tem nome consolidado no setor educacional.
  • Veja se o programa do curso é compatível com os conhecimentos que você tem e pretende adquirir.
  • Analise o corpo docente: quanto mais professores reconhecidos pela atuação no mercado, mais valioso será o seu networking.
  • Ponha na balança preço, infraestrutura e benefícios: o custo da mensalidade não é indicativo de conteúdo de qualidade.

Networking

Outra vantagem de cursar uma pós-graduação, seja presencial, seja a distância, é estabelecer contatos com outros profissionais do mesmo campo de atuação e com os mesmos interesses. Esses contatos podem ser a ponte para novas oportunidades ou novos negócios. Para que isso ocorra de forma consistente, é preciso manter uma postura extremamente profissional e comprometida durante o curso, de forma que seus pares percebam sua maturidade profissional.

Melhor remuneração

Chega a ser óbvio que o aumento da renda está ligado à capacitação e à adequação do profissional às exigências do mercado. Colocando em números, um estudo conduzido pela empresa de recrutamento “Productive” comparou o nível de escolaridade e a remuneração de 400 executivos. Segundo a pesquisa, a média de remuneração daqueles que possuem apenas a graduação é 60% menor em comparação à remuneração dos pós-graduados.

Educação a Distância (EAD)

Entre os principais obstáculos apontados pelos profissionais que desejam se especializar estão a falta de tempo e de dinheiro. Tal dificuldade pode ser transposta por meio da educação a distância, uma modalidade de ensino que vem adequando qualidade e praticidade às necessidades dos profissionais. Tudo com preços bem mais acessíveis, pois essas instituições não precisam investir em instalações físicas o que diminui os custos consideravelmente. Tais fatos explicam o enorme crescimento dos cursos EAD.  De acordo com dados do Ministério da Educação, o ritmo de expansão de novos alunos foi de 12,2% na educação a distância, enquanto na modalidade presencial o crescimento médio foi de 4,4% em 2012 em comparação a 2011.

VEJA TAMBÉM: O que você precisa fazer para continuar nos estudos?

 

Compartilhe esta notícia:

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você

Assine nossa newsletter

Junte-se às mais de 80 mil pessoas que receberam nossas novidade sobre pós-graduação a distância por email.